Laerte Gulini é o novo carnavalesco do GRES Passa Régua

Publicado por

Em acerto realizado nesta sexta-feira, o GRES Passa Régua contratou o renomado carnavalesco Laerte Gulini para assinar seu carnaval de 2020 no Grupo C do Carnaval Carioca.

Laerte é artista plástico, professor, cenógrafo e figurinista. Formado em Educação Artística, com habilitação em história da arte pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Pós Graduado em Figurino e Carnaval pela Universidade Veiga de Almeida, Gulini atua como professor na rede estadual de ensino e atuou por 10 anos como coordenador pedagógico da FAETEC/RJ.

No mundo do carnaval há 30 anos, atua como carnavalesco há 15. Iniciou no ARES Vizinha Faladeira, no ano de 2003, onde permaneceu até 2005. No período, que permaneceu, conseguiu levar a escola ao campeonato no ano de 2004.

Em 2006 ingressou como carnavalesco no GRES Unidos do Jacarezinho. Neste ano, com o enredo “A África é aqui”, conseguiu levar a agremiação a 3ª colocação. No ano seguinte, formando a Comissão de Carnaval da escola criou o enredo “Taí… Jacarezinho de turbante trás a herança da pequena notável fascinante”, homenagem a Carmem Miranda no Grupo C do Carnaval de 2007.

Em 2008 retornou ao ARES Vizinha Faladeira, onde executou o enredo “Vizinha Faladeira no País das Maravilhas”. Em 2009 assumiu como carnavalesco do GRES Acadêmicos de Vigário Geral, com o enredo “Água fonte de vida: um grito de alerta ao patrimônio da Terra”. No ano seguinte, junto a sua comissão de carnaval, trouxe à Intendente Magalhães o enredo “Mistérios e magias do culto ao sagrado”.

Em 2011, alçou novos voos: Assumiu a função de carnavalesco no GRES Acadêmicos de Santa Maria, no Carnaval de Brasília. Também em 2011, no Rio de Janeiro, assinou o enredo “Que Rei Sou Eu?”, do GRES Infantes da Piedade, no Grupo E da Intendente Magalhães.

No ano de 2012, retornou para o GRES Unidos do Jacarezinho, desenvolvendo uma homenagem à Nelson Sargento. Em 2013 assinou o enredo “O Mestre Sala dos Mares” no GRES Unidos do Cabuçu, sagrando-se campeão da Série C. Com o sucesso, renovou em 2014, trazendo o enredo “Tire sua mordaça do caminho… Que eu quero gritar com minha cor”, com o qual levou a Unidos do Cabuçu ao vice-campeonato da Série B.

Em 2015 assumiu como Carnavalesco do Bloco Loucura Suburbana. Neste ano recebeu do Jornal o Globo o Prêmio “Serpentina de Ouro” de Melhor Desfile. No ano seguinte foi novamente premiado, por ter seu desfile considerado como “Hors Concours”. Em 2017, Laerte Gulini assumiu como carnavalesco do GRES Boêmios de Inhaúma. Em 2019 assinou o enredo “A palavra chave é…” do GRBC Oba Oba do Recreio, no Grupo 2 da Federação dos Blocos.

Hoje Laerte Gulini se junta ao time de estrelas para compor um belíssimo carnaval em 2020 com o GRES Passa Régua.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s