União do Vilar Carioca é a mais nova filiada a LIVRES

Publicado por

A Diretoria da Liga LIVRES RJ acaba de anunciar a filiação de mais uma agremiação em seu quadro associativo. Trata-se do Grêmio Recreativo Escola de Samba União do Vilar Carioca, que entregou sua carta de filiação, tornando-se, assim, mais um membro da família LIVRES RJ. Portanto, a partir de agora, tudo relacionado ao Carnaval desta agremiação será de nossa responsabilidade, assim como as demais escolas filiadas e fundadoras da Liga.

A União do Vilar Carioca teve sua origem como um divertido bloco, conhecido como o Príncipe da Zona Oeste, que encantou as comunidades do Vilar Carioca e adjacências. A proposta surgiu da união de ideias e ideais de um seleto grupo de sambistas engajados em modificar a realidade da região, em termos de carência. O sucesso da experiência foi tanto, que Léo Tinoco, sua esposa Regina e os demais integrantes do grupo decidiram transformar o bloco em uma agremiação carnavalesca.

Instituída desde 5 de janeiro de 2020, data de sua fundação, a agremiação tem como objetivos promover o resgate e a disseminação da cultura popular brasileira; incentivar a valorização da cultura e dos valores afro-brasileiros e indígenas; prestar serviços de utilidade pública à sociedade; estimular a boa convivência social e o respeito mútuo; priorizar a união, em nome do samba, criando ambientes saudáveis e momentos propícios à realização de atividades de entretenimento e exercícios coletivos de cidadania.

Filho de mestre de bateria e passista, Leandro Fernando Tinoco (Léo Tinoco) atualmente está à frente da escola como presidente, sob as bênçãos da padroeira Santa Bárbara e, do padroeiro da bateria, São Jorge.

Os símbolos da escola são as cores vermelho, branco e ouro, o emblema, o pavilhão e o estandarte. A cor vermelha representa a paixão pelo samba e a alegria do carnaval; a cor branca representa a paz e a harmonia, estados de espírito necessários à união; a cor ouro representa o brilho, a beleza e a ambição, em se tornar uma reconhecida agremiação carnavalesca. O emblema retrata a união pelo samba, com formado circular, onde há a imagem vetorial de um aperto de mãos inter-racial, com um pandeiro em supra posição, e a nomenclatura União do Vilar Carioca, separadas por dois sóis, sendo o sol a representação do calor dos verões cariocas.

O pavilhão possui o fundo branco, com oito polígonos triláteros vermelhos, com borda em tom mais escuro, crescendo do centro para as extremidades e, em sobreposição, está centralizado o emblema. A cor ouro está representada na imagem, em detalhes, e, também estará presente em bordados, amarração, franjas e ponteira do mastro. O estandarte possui as mesmas características do pavilhão (cores, figuras geométricas e o emblema), sendo diferenciado pelo formato de escudo vertical, com borda na cor ouro. Abaixo do emblema, um listel traz a data de fundação da agremiação.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.