Alegria da Zona Sul tem Samba-Enredo Escolhido

Publicado por

A busca pelo título da série B no ano que vem e consecutivamente o retorno à série A do carnaval do Rio, fez com que a diretoria da Alegria da Zona Sul promovesse uma grande festa neste último domingo, 24, para escolha do seu samba. Com o enredo “YPANEMA” (história do processo de formação do bairro mais charmoso da capital Carioca) – a Vermelha e Branca de Copacabana, definiu a obra de Márcio André, Thiago Meiners, Daniel Katar, Rodrigo Alves, Mattos Tavares e Sandra Portella, como samba-enredo oficial que será responsável por entoar a temática escolhida pelos carnavalescos André Tabuquine e Lane Santa em 2020; sendo a décima a desfilar, liga Livres, na terça-feira de carnaval – Intendente Magalhães.

Assim, todo o projeto de desfile da escola encontra-se em um norte para execução da plástica, evolução e ritmo do espetáculo no próximo ano, e o que afirma o vice-presidente Luiz Chaveiro: ”Temos que preparar um bom carnaval, com boas alegrias e boas fantasias e para fazer uma junção perfeita na evolução e bateria, a escolha de um bom samba é essencial para um conjunto só. Vamos fazer de tudo para ganharmos esse carnaval e voltar para série A.”

 LETRA DO SAMBA:

Sou eu Tupinambá, um filho deste chão / Na aldeia, o meu brado a ecoar

A terra não resiste a colonização / Domina o Kariané e o Jaboracyá

Da Vila do Barão, tão linda é / A vista que mareja meu olhar

O bonde conduziu a evolução / E o povo fez de Ypanema, seu lugar

A fé carrega todas as bandeiras / Na benção da senhora padroeira

“Num doce balanço a caminho do mar” / No “Tom” da canção, a poesia

Luziu na areia liberdade de expressão / E as noites da boemia

Do Arpoador / Pôr do sol igual não há

A crista das ondas / Na “bossa” quero mergulhar

Da “banda” que embalou tanta folia / O morro desce pra brincar os carnavais

A “simpatia” dos artistas imortais / Unindo a nobreza e a ralé

No asfalto entre a lagoa e o mar / Essência do amor que aqui sempre vai morar

Muito mais que inspiração, um lindo poema / A tribo do samba canta Ipanema

Abraço a beleza desse céu azul / Sou Alegria da Zona Sul

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s