SÉRIE DE ENTREVISTAS: VOZES DA INTENDENTE

Publicado por

VOZES DA INTENDENTE

Nome: Marcio Oliveira

Intérprete da Leão de Nova Iguaçu

Profissão: Autônomo

Idade: 40 anos

Escola do Coração: Portela

1. Como foi o seu início no samba?

Pode parecer um jargão, mas o famoso “nasci no samba” cabe para mim, pois no quintal da minha casa tinha um bloco de enredo da minha vó, Império de Muzambê, que desfilava em Nova Iguaçu. Daí fui crescendo e me apaixonando por compor e cantar samba.

2. Conte-nos a sua trajetória no Carnaval?

Minha trajetória começa nas agremiações de Nova Iguaçu, que tinha o segundo maior desfile do Estado do Rio de Janeiro. Até que fui levado por um amigo ao Leão de Nova Iguaçu no final do ano de 1994 para disputar samba. Como a grana era curta passei a interpretar meus próprios sambas e daí fui sendo convidado para outras agremiações. Tive sorte de cantar belas obras nas quadras que se sagraram campeãs, como por exemplo: “De corpo e alma na avenida” (Mocidade/97) e “O Cavaleiro da Esperança”(Grande Rio/98). No Leão de Nova Iguaçu tenho vários sambas ganhos até que no ano 2000 depois de ganhar a disputa, fui convidado a ser o intérprete oficial e a Escola ganhou o Carnaval do grupo B (que ainda desfilava na Sapucaí) subindo para o grupo A (hoje, Série A).

Passei por Vila Isabel, Mangueira, Inocentes, Unidos de Lucas, Unidos da Ponte entre outras, mas nunca me afastei do Leão. São mais de 20 anos de amor por esse pavilhão.

3. Como é para o Cantor/Intérprete quando o samba de sua preferência nas disputas de samba-enredo não é o escolhido?

Não vou ser hipócrita de dizer que não temos algum samba preferido numa disputa, porém, é necessário aprender todos para qualquer “eventualidade” (kkkkk).

4. Além de cantor oficial na escola, você também cantará por outras agremiações em 2020?

Esse ano cantarei somente no Leão, pois desde o carnaval passado temos feito um trabalho no carro de som de total responsabilidade e comprometimento com amigos que realmente compreenderam que o compromisso era deveras importante.

5. Você vive de cantar samba? Você compõe também?

Não, vivo para cantar e compor samba… É realmente uma coisa inexplicável, por exemplo, esse ano não quis disputar samba em lugar nenhum, senti muita falta, pois já me acostumei. Em 2015 participei de 14 disputas e tive a felicidade de ganhar 10. Um dos anos mais felizes para mim foi em 2000 quando fui campeão de várias disputas, inclusive em São Paulo, onde ganhei o samba na Tatuapé e foi a minha primeira vez cantando como INTÉRPRETE OFICIAL na Sapucaí pelo Leão.

6. Qual é o seu ídolo no carnaval (na função)?

Tenho várias intérpretes que fui observando, aprendendo e me espelhando, alguns já falecidos como Ney Viana e Dedé da Portela (que também foi do Leão) e outros atuantes como Nego (meu amigo particular) e Wander Pires.

7. Algum segredo para manter a voz em dia antes do desfile?

É importantíssimo o trabalho anterior ao canto, tanto na parte de exercícios de fototerapia, quanto no descanso vocal, alimentação e etc.

8. Você tem alguma caco? Se positivo de onde veio a inspiração?

Vou lhe ser sincero, gosto muito de interpretar o samba fazendo chamadas melódicas, sem gritaria, pois uma vez ouvi de um grande intérprete que o samba tem que emocionar… Porém, na atualidade você é quase que obrigado fazer “caco”. Gosto muito de empolgar o povo dizendo: “Alegria! Alegria!

Mas vou te revelar que meu grito de guerra eu não mudo por nada, já o faço a muitos anos: “ALÔ MEU LEÃO DE NOVA IGUAÇU… VAMOS SACUDIR!!! CHEGOU A HOOOOOOOOORA!!! (Esse grito foi inspirado no grito de guerra do Wander Pires)

9. Fale-nos do samba-enredo da escola para 2020?

O samba de 2020, após ter sido escolhido, sofreu modificação melódica e alterações na letra para ajustar de acordo com o que a agremiação se propõe a levar para a avenida. Principalmente na questão melódica, pois nosso enredo sobre as mães negras do Brasil precisava de uma melodia que te emocionasse mesmo. Com todo respeito aos sambas das co-irmãs, na minha opinião, temos um dos melhores sambas da Intendente.

10. Quem compõe seu carro de som?

Nosso carro de som é composto atualmente por:

CANTORES: Cesário, Diogo Silva, Robinho Lins, Glorio Coutinho, Jean Alexandre;

CORDAS: Edinho 7 Cordas, Rafael do Cavaco (porém vamos com 2 cavacos para o desfile).

11. Um carnaval inesquecível?

Um Carnaval que jamais esquecerei foi o desfile do Leão, com o enredo “O Leão nos Caminhos do Ouro”… ano 2000, onde tive a felicidade de ser pela primeira vez o intérprete oficial da minha escola.

12. Qual é o seu maior sonho?

De coração… Meu maior sonho é poder ser o intérprete oficial do Leão de Nova Iguaçu no grupo Especial.

13. Deixe-nos uma mensagem para a galera que acompanha o Carnaval da Intendente.

O Carnaval da Intendente é o verdadeiro Carnaval do Povão, então que possamos ter um Carnaval de muita paz e alegria…

E não deixem de acompanhar o desfile do Leão no domingo (23/02), tenho certeza que faremos um belíssimo desfile.

Obrigado Marcio Oliveira pela participação e ótimo Carnaval!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s