SAMBA NA INTENDENTE

Carnaval 2022 – União do Vilar Carioca / Grupo C / LIVRES

Publicado por

GRÊMIO RECREATIVO ESCOLA DE SAMBA UNIÃO DO VILAR CARIOCA

União do Vilar Carioca é samba de verdade!

Fundação: 05/01/2020 (2 anos)

Cores: Vermelho, Branco e Ouro

Símbolo(s): Pandeiro, Aperto de Mão Inter-Racial e 2 Sóis

Escolas Madrinhas: Unidos de Lucas e Vizinha Faladeira 

Santa Padroeiro: Santa Bárbara

Bairro: Inhoaiba

Sede/Quadra: Vilar Carioca, Inhoaiba, Rio de Janeiro, RJ

Barracão: Rio de Janeiro, RJ

Presidente Administrativo/Fundador: Leandro Fernando Tinoco “Léo Tinoco”

1ª Dama: Regina Plaudio

Vice-Presidente Administrativo: Leonardo dos Santos “Léo Tigrão”

Presidente do Conselho Deliberativo: Edimar Teixeira

Presidente de Honra: José Sebastião da Rocha Filho

Vice Financeiro:

Diretora Social e de Cidadania: Aline

Diretor Cultural e de Projetos:

Diretor de Patrimônio: Sidnei “Sidão”

Gestor de Arte: Léo Tigrão

Locutor Oficial: Marcelo Locutor

Carnaval 2022

Grupo: C da Liga LIVRES

Ordem de Desfile: 2ª Escola a desfilar no Domingo, dia 06/03/2022, na Estrada Intendente Magalhães, Campinho, RJ (a confirmar o dia)

Enredo: “DA MAGIA DE UM OLHAR SURGE O CIRCO NO VILAR”

Logo: Divulgada

Sinopse: Divulgada

Pesquisa, Desenvolvimento e Texto da Sinopse: John-John Schmitz e Cléo Meirelles

União do Vilar Carioca divulgou seu enredo para sua estreia no carnaval carioca

Carnavalesco: Di’Souza

Diretores Gerais de Carnaval: Marcelo Ferreira Nunes “Marcelão”, Flávia Viana e Roberto Rodrigues

Diretor Geral de Harmonia: Hélio de Albuquerque

Diretora de Barracão: Orlando Bangu

1º Casal de MS e PB: Renato Madureira e Bianca Castro

2º Casal de MS e PB: Geovani Félix e Jéssica Neves

Coreógrafo da Comissão de Frente: Michel Petterson

Coordenadora da Ala de Passista: Luana Flor

Coordenadora da Ala das Baianas: Léa Damião de Oliveira

Coordenadora da Ala das Crianças: Camila

Rainha da Ala das Crianças: Yasmim Vieira Rodrigues (13 anos)

Princesa da Ala das Crianças: Yvi Vieira Rodrigues (6 anos)

Diretora da Velha Guarda: Tânia Fernandes

Diretora do Departamento Feminino:

Presidente da Ala de Compositores: Donde Lima

Bateria Dragões do Vilar

Padroeiro da Bateria: São Jorge

Mestre de Bateria: Bruninho do Repique

Coordenador Geral de Bateria: Diego Reis

Rainha de Bateria: Bruna Prado

Madrinha da Bateria: Patty  Frey

Rei da Bateria:

Princesinha da Bateria: Valentina Plaudio

Madrinha da Escola: Regina Rizzo

Diretor de Musas e Destaques: Eduardo Lopes

Musa(s): Orquídea Lima, Fran Pereira

Destaque(s): Cláudio Penido (1º Destaque), Rodrigo Correa

Assessora de Imprensa:

Diretor de Comunicação e Marketing:

Presidente de Alas: Márcio Monteiro

Diretor Musical:

Autores do Samba-Enredo: Odmar do Banjo, Henrique Pirulito, Nego Dídio, Anderson Bala, Marcelo Caçapa, Carlinhos Devagar e Denis Moraes

Intérpretes: Aurélio Brito, Caim da Praça e Chalana Saleiro

Samba-Enredo: Divulgado

Respeitável público o show vai começar! / O sonho dessa arte milenar

Faço do circo o meu “Vilar” / Com o noco alvorecer

O palhaço é “funkeiro” / Bailarina é “passista” / O dom da vida é ser “malabarista”

Sambando no picadeiro / Alegrando o mundo inteiro

O povo cigano, surgiu / Trazendo essa festa, pro meu Brasil!

Viajou por civilizações / Conquistando corações!

Vem aplaudir / Dar gargalhadas

Com a bola no nariz / Agitou a criançada

O domador abriu a boca do leão / Haja coração!

Vi o mágico cortando a moça / Meu Deus!!! … Que coisa louca

Nesse picadeiro divinal / Sonhei com um lindo carnaval

E hoje o sonho é realidade / Realidade é… / Fazer feliz toda cidade!

Hoje tem alegria / Tem sim senhor / No “Vilar Carioca”, o circo chegou

O palhaço que era ladrão de mulher / Talento, ironia e samba no pé

História: O G. R. E. S. União do Vilar Carioca é uma escola de samba da Zona Oeste da cidade do Rio de janeiro que irá estrear no carnaval carioca em 2022.

A União do Vilar Carioca foi fundada no dia 05 de janeiro de 2020, originária do bloco Príncipe da Zona Oeste. Suas cores são o Vermelho, o Branco e o Ouro. A cor vermelha representa a paixão pelo samba e a alegria pelo carnaval. O branco representa a paz e a harmonia e o ouro remete ao brilho, à beleza e à ambição de se tornar uma reconhecida agremiação carnavalesca. O emblema retrata a união pelo samba, com um aperto de mão inter-racial abaixo do pandeiro. Há dois sóis representando o calor dos verões cariocas.

Fonte(s): Samba na Intendente e Jornal O Amarelinho

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: