Na noite de quinta-feira, dia 12, o GRES Unidos da Ponte realizou a grande final da disputa de samba-enredo que teve como resultado a vitória do samba 3, dos compositores Thiago Sousa, Renatinho do Cavaco, Pelé, Thiago Meiners, William do Salão, Sergio Gallo “Caroço de São João”, Victor Alves, Marcio de Deus, Igor Vianna e Marquinho Silva.

A azul e branco de São João de Meriti levará para a avenida o enredo ‘Romance de Xangô: A Dança do Fogo’, assinado pelo carnavalesco Lucas Milato. De acordo com Otojanes Filho, vice-presidente da agremiação, a final de samba-enredo foi uma prova de que a Unidos da Ponte segue firme em seu processo de resgate. “Foi uma linda festa, o povo de São João abraçou a escola e espero que esse crescimento seja contínuo. A Ponte é nossa escola de coração e trabalharemos para que sejamos campeões rumo à Sapucaí,” afirma.

A festividade contou com a apresentação da dupla de intérpretes oficiais da escola, Barata Benevenuto e Vinny Machado. O evento contou com a com a apresentação da Bateria Ritmo Meritiense, casal de mestre sala e porta bandeira, passistas, velha guarda e baianas.

No carnaval 2018 a agremiação será a 2ª escola a desfilar pela Série B, no dia 13 de fevereiro, 3ª feira de carnaval.

Confira letra e áudio do samba da Unidos da Ponte para 2018:

É noite de festa em Salvador / No Ilê do matatu pequeno

Cores enfeitam o lugar / A filha do raio a girar / No ar, aroma de cravo e canela

Alabês, tambores / Vai começar o axé / Dobra o rum / É xirê de candomblé

Ecoa um grito vermelho / Levanta o oxé, vem pra festa!

Yaô, a dança é pra Xangô / Kaô, meu pai, kaô

Na roda da saia tem flores e cravos / Cores e giros no salão

Bate xerê, voa pra imensidão / De Olorum alcança a morada

Um canto de fé, esperança sagrada / Até o alvorecer trazer / A paz da chama acesa

Que aquece a alma e o coração / Me abraça, mostra a força da religião

Bate no atabaque, toca o alujá / A Ponte canta forte Obá Ko Sô

É fogo que jamais se apagará / Meu ritual de amor