SÉRIE DE ENTREVISTAS: CARNAVALESCOS DA INTENDENTE

Publicado por

CARNAVALESCOS DA INTENDENTE

Nome: André Tabuquine

Carnavalesco da Alegria da Zona Sul

Profissão: Artista Plástico

Idade: 35 anos

Escola(s) do Coração: G. R. E. S. Imperatriz Leopoldinense e G. R. E. S. Em Cima Da Hora

1. Como foi o seu início no Carnaval?

Meu pai nasceu em Cavalcante e desfilava desde novo na bateria do G. R. E. S. EM CIMA DA HORA. Com isso me levava desde criança na quadra. Com aquela agitação e com batuque diferente acabei me apaixonado.

2. Conte-nos a sua trajetória?

Comecei desfilando na ala das crianças, depois na ala da Bateria na Em Cima da Hora. Em 98 comecei no barracão na equipe de adereço na própria Em Cima da Hora com o carnavalesco Ernesto Nascimento, e fiquei na escola até o ano 2000 e tive a oportunidade de trabalhar com o carnavalesco Alex de Souza. De 2001 a 2004 fiz parte da equipe de alegoria da Imperatriz Leopoldinense. Em 2007 fui assistente de carnavalesco na Alegria da Zona Sul, 2008 chefe de alegoria do Abre-alas da Vila Isabel, 2009 na equipe de alegoria da Estácio Sá e dando a início como carnavalesco das escolas Em Cima da Hora em 2009, 2010 Favo de Acari, 2011 Arrastão de Cascadura, 2014 Corações Unidos do Amarelinho, 2017 Rosa de Ouro, 2018 a 2019 responsável nas alegoria na Alegria da Zona Sul, e hoje assinando o carnaval da própria Alegria.

3. Cite-nos o(s) seu(s) ídolo(s) na função.

Rosa Magalhães e Alex de Souza.

4. Fale-nos do enredo da escola para 2020?

Ypanema, esse é o enredo que a Alegria da Zona Sul irá apresentar. Um enredo indígena, na verdade é a história do bairro que também faz parte da origem da escola, que muitos pensam que a escola só é de Copacabana. Iremos falar da origem do nome do bairro de Ipanema, começando com as tribos que ali viviam, o Barão que arrematou os lotes no qual muitos não queriam, a evolução do bairro, o nascimento da Bossa Nova que foi em Ipanema (muitos pensam que nasceu em Copacabana), vamos falar também da beleza do por do sol, da pedra do Arpoador, e que não poderia faltar o carnaval que arrasta multidões dos blocos Simpatia é Quase Amor e a Banda de Ipanema.

5. Quais são as suas expectativas para este carnaval?

As melhores possíveis, estamos com garra de fazer um bom desfile e que está presente em todo momento com a nossa comunidade em voltar para a Sapucaí. Um samba lindo em que a comunidade já tá cantando com o corpo e a alma! Teremos um bom desfile.

6. Qual será o ponto alto do seu desfile?

O ponto alto no qual estamos preparando, será o primeiro setor, bem impactante, alegorias bem acabadas e fantasias de fácil leitura. E o canto da escola que está bem forte.

7. Como está o barracão da escola (fantasias e alegoria(s))?

Estamos caminhando, mas com dificuldades.

8. Como virá a escola, em relação a nº de alas, componentes, quantos setores serão o desfile?

Viremos com 18 alas, entorno de 750 a 800 componentes em 3 setores.

9. Um carnaval inesquecível?

“Catarina de Médicis na Corte dos Tupinambôs e Tabajeres”, Imperatriz Leopoldinense 94.

10. Qual é o seu maior sonho?

Conseguir executar um bom trabalho, e ter um bom resultado.

11. Deixe-nos uma mensagem para a galera que acompanha o Carnaval da Intendente.

Brinquem, se divirtam no dia da Festa do Momo. Carnaval é cultura, é a maior festa popular do mundo, onde você pode se manifestar com críticas sadias e bem humoradas, brincar, se divertir e aprender com diversas histórias que nem mesmo não sabíamos que existiam e levantar a bandeira do Samba.

Obrigado André Tabuquine pela participação e ótimo Carnaval!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s