TRADIÇÃO INICIARÁ ENSAIOS NO DIA 1º DE NOVEMBRO. CONFIRA O SAMBA DA ESCOLA PARA 2017

Publicado por

A Tradição já tem o hino oficial do enredo “O LAGO DOS CISNES”, que será desenvolvido pelo carnavalesco Leandro Valente.

A escola será a 6ª a desfilar na Estrada Intendente Magalhães na terça-feira de folia, pela Série B. A presidente Raphaela Nascimento, em seu segundo mandato à frente da azul e branco, disse que está feliz por conseguir resgatar a autoestima da comunidade de Campinho, acrescentando que o resultado do desfile de 2016  foi muito positivo, já que a agremiação conquistou o vice-campeonato.

A escola iniciará os ensaios de quadra no dia 01 de novembro, a partir das 20 horas. A diretoria convoca segmentos, bateria, ritmistas, Velha Guarda, harmonia, musas, rainha, passistas, comunidade, casais de mestre-sala e porta-bandeira, torcedores e componentes, pois será dado início ao ensaio de canto do samba-enredo dos compositores Lequinho da Mangueira, Gabriel Martins, Zé Luiz Escafura, Lucas Donato, Fadico e Igor Leal. É bom ressaltar que a escola preferiu encomendar o hino para evitar gastos, já que segundo a presidente, o foco está direcionado ao desenvolvimento do carnaval.

Confira a letra:

Autores: Lequinho da Mangueira, Lucas Donato, Fadico, Gabriel Martins, Igor Leal e Zé luiz Escafura

Um violino toca e anuncia
A ópera vai começar
Dois corações
Amor sem fim…
Bailam com os tamborins
O mal se fez… Em uma feitiçaria
Um cisne coroado, assim surgia
Derrama o pranto
E o lago se formou
A realeza se rende ao amor
E o destino então reinou

Quando o sol se põe reluz a beleza
Tão jovem se apaixonou
Desperta em seus olhos a bela princesa
A lua é testemunha de um lindo amor

Fez-se a maldade contra a paixão
E a imagem, assim refletiu
Juras a sua amada
A trama armada, quem fez sucumbiu
Chora o seu amor, novamente em um cisne transformou
E a donzela dos seus sonhos
Na imensidão voou
Mas, no carnaval, fundamental é a nossa alegria
A felicidade no ar entre confete serpentina
O bem venceu o mal em dois corações inocentes
De azul e branco… Feliz para sempre

Sou Tradição na ponta do pé
Pode aplaudir o meu ballet
O condor vai voar… Bailar… Bailar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.