Com um novo projeto para o Carnaval 2018, o GRES Unidos de Lucas, escola que integra a Série C do Carnaval Carioca anuncia, por meio desta, que a porta-bandeira Débora Santos, que defendeu nosso pavilhão nos últimos dois carnavais, não estará conosco no desfile de 2018.

– Débora é uma profissional excelente e de muita dedicação. Só temos a agradecer os dois anos que tivemos o pavilhão de nossa escola defendido por ela porém, por conta da reestruturação que estamos fazendo, optamos por não seguir com a parceria para o próximo ano. Desejamos a ela muito sucesso em seus novos caminhos, comenta o presidente da escola, Weles Silva, conhecido como Helinho, que divide com Hiran Gomes a responsabilidade de levar o Galo de Ouro da Leopoldina a patamares mais altos no ano que vem.

Débora chegou a Lucas em 2015 e é oriunda da escola de Manoel Dionísio. A porta-bandeira defendeu o pavilhão vermelho e amarelo nos carnavais de 2016 e 2017. Os novos titulares do pavilhão da escola serão anunciados em breve.

Foto: Divulgação