Kyane Cristina é a nova 1ª PB da Diversidade

Publicado por

A Acadêmicos da Diversidade contratou a sua nova 1ª Porta-Bandeira para a disputa da Série D em 2020, Kyane Cristina da Silva Soares.

Antes de começar a dançar como porta-bandeira Kyane Cristina desfilou em alas no GRES Unidos do Porto da Pedra e Unidos de Vila Isabel.

Em 2008, participou do projeto A GENTE QUER ARTE (que era oferecida pela Portela aonde tinha aula de Mestre-Sala e Porta-Bandeira), onde passou a sonhar em ser uma Porta-Bandeira. Em 2009, entrou na Escola do Mestre Manoel Dionisio dando o pontapé inicial em sua trajetória.

Kyane Cristina defendeu seu primeiro pavilhão no G.R.E.S. Unidos da Villa Rica, permanecendo lá por 2 anos como 2ª Porta-Bandeira entre os anos de 2009 e 2010. Em seguida foi para o G.R.E.S. União de Jacarepaguá como 3ª Porta-Bandeira nos anos de 2012 e 2013.

“Em 2011, fui convidada a defender o pavilhão do GRES Corações Unidos do Amarelinho como 1ª Porta-Bandeira, para mim foi uma grande responsabilidade. No ano seguinte fui para o GRES Arame de Ricardo, também como 1ª Porta-Bandeira, permanecendo lá até o ano de 2015”, disse Kyane.

Em 2017 foi convidada pela 1ª Porta-Bandeira do GRES Acadêmicos do Engenho da Rainha, Mônica Menezes, para desfilar como 2ª Porta-Bandeira na agremiação, aceitando e abraçando a escola.

No Carnaval de 2018 defendeu o Pavilhão da Mocidade Independente de Inhaúma (trabalho não foi concluído) e em 2019 chegou a assumir o pavilhão da GRES Renascer de Vaz Lobo, mas a escola acabou não desfilando.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s