Rosa de Ouro / Carnaval 2020 / Acesso

Publicado por

GRÊMIO RECREATIVO ESCOLA DE SAMBA ROSA DE OURO

Sou Rosa de Ouro eterna paixão, respeite as cores do meu pavilhão

Ouro, azul e branco / É a cor do pavilhão / Rosa de Ouro minha vida / Escola do meu coração

O dia chegou / Lá vem ela tão bela / Com toda emoção / Vai conquistar o seu coração

Quem não conhece, vai conhecer / Rosa de Ouro vem aí / Respeite o nosso pavilhão

Bandeira_do_GRES_Rosa_de_Ouro

Fundação: 17/05/1970 (48 anos)

Cores: Ouro, Azul e Branco

Símbolo: Rosa Dourada

Escola Madrinha: G. R. E. S. Portela

Santo Padroeiro: São Jorge

Bairro: Oswaldo Cruz

Sede/Quadra: Rua Coelho Lisboa, 201, Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ

Barracão: Travessa Carlos Xavier, 397, Campinho, Rio de Janeiro, RJ

Presidente Administrativo: Nilse Fran

Vice-Presidente Administrativo: Lando

Presidente de Honra:

GRES ROSA DE OURO

Carnaval 2020

Grupo: Acesso

Ordem de Desfile: 3ª Escola a desfilar no Domingo de Carnaval, dia 23/02/2020, na Estrada Intendente Magalhães, Campinho, RJ

75237425_2550852041628086_9075754431798050816_o

3fd2309a-1c18-401d-8a7b-95fc7dc2880e

Enredo: “NILCE FRAN, A FILHA DE IANSÔ

Logo: Divulgada

Sinopse: Divulgada

Autor da Sinopse: Ruan Morais de Lucena

https://sambanaintendente.blog/2019/05/26/conheca-a-sinopse-da-rosa-de-ouro/?fbclid=IwAR0lwh3heiN7X1PdZvqK2mQTDoSCSx-7jIYFCK88yLjb2yXJz58vt8r9jV4

Carnavalescos: Ruan Morais de Lucena e Maria do Rosário Magalhães

Diretor Cultural: Ygor Lioi

Diretor de Carnaval: Paulinho

Diretor de Barracão: Luiz das Faixas

Diretor de Harmonia:

1º Casal de MS e PB: Ângelo Virtude e Yuki Kimura

2º Casal de MS e PB: Juan Alegria e Bruna Camilla

Coreógrafo da Comissão de Frente: Jan Oliveira

Coordenadores da Ala de Passistas: Mayra Serpa e Damasceno

Diretor da Ala das Baianas:

Presidente da Velha Guarda: Carlinhos

Presidente da Ala de Compositores:

69738806_2375365122554572_8671346637693517824_n

Bateria: Swing de Ouro

Diretor de Bateria: Mestre Marley

Outros Diretores da Bateria: André Luiz Cabide, Djalminha, Mário Junior “Juninho”, Claudionor Ferreira Jr. “Bob”, Jefferson Moraes “Jeffinho”, Marlon Celestino

Rainha de Bateria: Nay Simpatia

Musa(s): Sá Morena, Adelaide Topé, Denise Rodrigues, Bruna Japy, Victoria Murta

Assessoria de Imprensa:

Diretor de Barracão:

Autores do Samba-Enredo: Robinho, Lício Pádua e Fernando Sapê

Intérprete: Edinho Gomes

Cantor(es) de Apoio: Millena Wainner

Samba-Enredo: Definido

*

Sou eu Nilce Fran filha de Iansãn / A força do vento nessa passarela…

O tempo passou! Meu pai me ensinou… / O amor pela Portela.

Dos meus ancestrais (ôôô) / Herdei minha luz.

Na vida cheguei! / Ao solo sagrado de Osvaldo Cruz!

No samba nasci me criei e venci… / Com a força dos meus Orixás!

Okê Okê Arô, Oxóssi caçador / Por sua filha olhai

Em nosso cinquentenário / Nos abençoai

Vaquejada, Boi Bumbá… / Hoje tem marmelada

É dia de comemorar / O mito abre suas asas

E o Mundo ela foi conquistar…  / Perdeu seu maior amor que virou uma estrela…

E hoje nessa passarela também vai brilhar… / Cantam nossas pastoras e as lavadeiras…

Aqui a tristeza no peito não pode ficar!

Sou Rosa de Ouro no clarão da lua / E quem me protege é meu povo de rua

Com meus pés descalços sigo minha trilha / Vou na proteção de Maria Padilha

História: O G. R. E. S. Rosa de Ouro é uma escola de samba da Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro.

O bloco Rosa de Ouro foi fundado em maio de 1970 por integrantes da Ala dos Impossíveis da Portela. Nomes como Candeia, Valdir 59, Bidi e Wanderley Francisco fundaram no bairro de Oswaldo Cruz o Bloco Carnavalesco Rosa de Ouro com o intuito de se divertirem e pularem carnaval no bairro.

O nome escolhido faz uma alusão ao musical “Rosa de Ouro” criado por Cartola e Dona Zica, onde, na década de 60, se apresentava a cada turnê pelo país uma nova Rosa de Ouro, como por exemplo Paulinho da Viola, Clementina de Jesus, etc… Inclusive, Paulinho da Viola compôs uma música chamada Rosa de Ouro.

Nos anos 70 e 80 o bloco teve notória participação na disputa dos blocos de enredo do Rio de Janeiro, chegando inclusive ao primeiro grupo de blocos na década de 80. Porém, os anos 90 foram de muitas dificuldades e o Rosa de Ouro quase encerrou suas atividades.

Nos anos 2000, apoiado pelo seu patrono Marcos Falcon, o Rosa de Ouro se reestruturou e chegou ao grupo de disputa das escolas de samba, se transformando, então, em Grêmio Recreativo Escola de Samba Rosa de Ouro.

Seu único título no carnaval ocorreu em 2006 quando, pelo Grupo E, apresentou o enredo “Rosa de Ouro é comércio, festa e arte na feira de Caruaru” do carnavalesco Humberto Abrantes.

Em 2016 o Rosa de Ouro sofreu um duro golpe com a morte de seu presidente de honra e patrono Marcos Falcon (que havia sido inclusive enredo da escola em 2009 “Não há limite para o sonho. Quem ousa vence”). Para ocupar o lugar do presidente de honra foi nomeada Nilce Fran, uma das maiores passistas da história da Portela e filha de Wanderley Francisco, um dos fundadores da agremiação.

Fonte(s): Wikipédia e Samba na Intendente

Ficha Técnica de 2018: https://sambanaintendente.blog/2017/06/27/serie-c-rosa-de-ouro-3a/

Ficha Técnica de 2019: https://sambanaintendente.blog/2018/10/14/carnaval-2019-serie-d-3a-rosa-de-ouro/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s