O G. R. E. S. Unidos do Cabral, presidido por Leonardo Cavalcante, divulgou a Sinopse do seu Enredo para o Carnaval de 2017.

ENREDO: SOMOS TODOS APARECIDA… SIMBOLOGIA, DEVOÇÃO E FÉ!

Carnavalesco: Leonardo Soares

No ano em que se comemora os 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora no Rio Paraíba, a Unidos do Cabral entra na avenida desmistificando a imagem de festa profana, cantaremos a Devoção e a Fé do povo brasileiro à nossa Rainha Padroeira do Brasil.

O catolicismo é composto de símbolos, assim como a Cruz simboliza a ressurreição, a imagem de Nossa Senhora é composta de símbolos cada um com seu significado, fato este que tomaremos como base para o desenvolvimento do nosso enredo.

Sinopse do Enredo:

Voltando os olhos à sua imagem, sentimos o reluzir de sua coroa e a beleza de seu manto azul, que juntos nos trazem a realeza e nos lembram que nossa Senhora é Rainha do Céu e da Terra. Padroeira do nosso Brasil… Mãe da Igreja.

Antes de começarmos a decifrar os símbolos, é preciso saber que a “Santinha” que fica sob o manto de Nossa Senhora de Aparecida é Nossa Senhora de Conceição… Sob seus Pés, brilha a Lua refletindo a Luz do Sol… A Luz de Jesus Cristo… A Luz que sob os Pés de Maria, vem de Jesus e leva a Ele. A Lua brilha no meio da escuridão da noite, a escuridão da humanidade pecadora, arrebatada pela luz de Maria, a Imaculada Conceição concebida sem o pecado original, ela brilha como a Lua refletindo a Luz do Sol que é a verdadeira fonte de Vida, de Luz e de Calor.

Oh! Imaculada Conceição que esmaga a Serpente começai sua vitória sobre o Demônio.

Oh! Virgem Santa que estais no Céu circundada de Anjos e nuvens, está na Glória de Deus junto de seu filho, intercedendo por nós.

Oh! Virgem Santa que viveu nesse mundo em oração e agora, no Céu, não cessa de rezar, intercedendo por todos nós…

Senhora de Aparecida, Virgem Santa Milagrosa sincretizada pela Fé do povo sofrido, abençoai seus descendentes no samba, filhos teus quantos outros quaisquer. Que cada símbolo de sua Imagem e cada um de seus Milagres, seja na Avenida, a representação de Fé desta Nação que clama por Vós!

Que nosso desfile seja uma Romaria de Esperanças, pois somos todos feixes de sua luz… Somos todos a Serpente pecadora… Somos todos Lua Reluzente… Somos todos Anjos e Nuvens… Cobertos por seu manto e coroados pela sua proteção.

No Altar Sagrado do Carnaval, com o respeito impetrado a toda e quaisquer religião, clamamos por Vós, transformando nosso samba em oração! No País Negro, Índio, Amarelo… Sincretizados ou não… Somos todos Aparecida!

Amém.

Leonardo Soares

Colaboração: André Aguiar