C. C. B. C. VAI BARRAR? NUNCA!

ENREDO: UMA VIAGEM NO TEMPO… GÊNIOS DA HUMANIDADE

Carnavalescos: Alexandre Cardoso e Jairo Gama

Presidente:  Cláudio Mandarino

Autores do Samba-Enredo: Kamoro, Alexandre Macaquinho, Alex Ribeiro, Família Santiago, Waguinho, Wilian Bigode e Rogério Raiz

Conheça a letra do Samba do Bloco Vai Barrar? Nunca!

(Mas vamos…) Vamos viajar e exaltar, ô… “Os Gênios da Humanidade”

Que criam, transformam, inventam, / Avançam no tempo, a procura da felicidade

Facilitando o dia a dia, o bicho homem, passa a se arriscar

Jogado a própria sorte, domina o fogo… / Terra, céu e mar.

Bota-fogo na caldeira, faz o vidro, molda o aço / A roda gira, encurtando o espaço

O relógio marca o tempo / Do progresso que chegou… / A persistência faz o inventor

(E o homem…) O homem… Com a sua ousada e obsessão

Acelera o curso da história / Desmonta átomos em sua trajetória

Brinca com a energia, defende a ecologia… Usando a tecnologia!

(Em busca) Em busca de respostas,

Foi ao espaço sideral / Tentando enganar a própria morte, imagina o homem artificial

(E o futuro o que será?)

E o futuro o que será? / Vou inventando com o Vai Barrar?

Swinga a “Poderosa” / Bate forte com emoção… / Explode coração!