Grêmio Recreativo Escola de Samba União do Parque Curicica

Parque Curicica, meu mundo de felicidade / o teu brilho na avenida vai deixar saudade!

Bandeira_do_GRES_União_do_Parque_Curicica

Fundação: 1º/03/1993 (24 anos)

Cores: Azul, Vermelho e Branco

Símbolo(s): Aperto de Mão

Bairro: Curicica

Sede/Quadra: Rua Arauá, 385, Curicica, Rio de Janeiro, RJ

Barracão:

Presidente: Lorraine Rosa

Presidente de Honra: João de Jesus

Vice-Presidente: Roberta Rosa

Escola Madrinha: Acadêmicos do Grande Rio

Bateria: Audaciosa

curicica

História: O G. R. E. S. União do Parque Curicica é uma escola de samba da Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro. Em 2003 a escola estreou na Marquês de Sapucaí.

O Grêmio Recreativo Escola de Samba União do Parque Curicica foi fundado em 01 de março de 1993. Surgiu da fusão dos Blocos “Universal”, que tinha as cores azul e branca, e “Quem tem boca fala o que quer”, de cores vermelha e branca, daí saíram as suas cores (vermelho, azul e branco). Seu primeiro presidente foi o Sr. João de Jesus e seu símbolo é um aperto de mão.

A escola nasceu como bloco de enredo filiada a FBCERJ e já no seu carnaval de estreia em 1994 foi campeã do Grupo de Avaliação de Blocos, com o enredo A União Canta a Uva.

A agremiação desfilou na federação de blocos até 1998, sempre obtendo bons resultados como o título do Grupo 3 em 1996, com o enredo Hoje Eu Vou Sambar, e Você Também, e o Vice-Campeonato de 1997 do Grupo 2, com o enredo Doce Ilusão.

Em 1999, a União do Parque Curicica filia-se a AESCRJ e faz sua estreia com escola de samba sendo Campeã do Grupo E com o enredo Brasil, Quá Quá Quá no Ano 2000.

A escola em 2000 obteve o Vice-Campeonato da Série D com o enredo Na Virada do Milênio, a Esperança de um Povo, obtendo mais uma ascensão, agora ao Grupo C.

Em 2002, com o enredo Sou Índio, Sou Negro, Sou Branco, Sou Brasil, Sou Brasileiro, Eu Nasci para Bailar, a agremiação conquista o Vice-Campeonato do Grupo C e ascende para desfilar pela 1ª vez na Marquês de Sapucaí no Grupo B.

Em 2003 a escola apresenta o enredo Da Criação à Reconstrução, 90 Anos do Mercadão de Madureira, fica na 5ª colocação.

Em 2004 a escola sofre seu primeiro rebaixamento de sua história ao ficar no 11º lugar do Grupo B.

Em 2005 a UPC retorna à Sapucaí sendo Campeã da Série C com o enredo Bahia de São Salvador, Porto Seguro do Brasil.

Entre quedas e ascensões, em 2011 a escola foi Vice-Campeã do Grupo B com o enredo Eu Sou o Samba, a Voz de um Povo Brasileiro.

Em 2013 com a fusão dos Grupos A e B, a LIERJ fundou a Série A com 19 agremiações. Pela primeira vez em sua história, a União do Parque Curicica disputaria uma vaga no Grupo Especial. Dificuldades administrativas pareciam incontornáveis e a possibilidade de “enrolar a bandeira” era real. Em outubro de 2012, pouco mais de 03 meses antes do carnaval assume uma nova diretoria liderada pela Presidente Kátia Paz, única presidente mulher entre as 19 agremiações da Série A. O temor pela falta de tempo e verba para preparar um belo desfile era grande, porém a Curicica fez bonito na Sapucaí reeditando um samba enredo de 1994, “Quando o Samba Era Samba” para homenagear os 90 anos do G. R. E. S. Portela. Foi a 12ª colocada.

A escola mante-se na Série A, alternando posições intermediárias, até 2017 quando foi rebaixada para a Série B.

Fonte: Site Oficial da Escola, Wikipédia e Samba na Intendente

img_2727jpg_610x340

Carnaval 2018

Grupo: Série B

Ordem de Desfile: 12ª Escola a desfilar na Terça-Feira, dia 13/02/2018, na Estrada Intendente Magalhães, Campinho/RJ

Enredo: “O REINO ESTÁ NU!”

9364576a-0aa4-424f-81a2-2f85e356c457

Logo: Divulgada

Sinopse: Divulgada

https://sambanaintendente.blog/2017/09/19/confira-o-enredo-da-uniao-do-parque-curicica-para-2018/

Carnavalesco: Marcus Ferreira

Diretor de Carnaval: Ubirajara Claudino “Bira”

Diretor de Harmonia:

1º Casal de MS e PB: Marcinho Souza e Letícia Malaquias

2º Casal de MS e PB: Ricardinho Martins e Osanna Baptista

Coreógrafo da Comissão de Frente: Jardel Augusto Lemos

Coordenadora da Ala de Passistas: Cristine Reis

Diretora da Ala das Baianas: Tia Sônia Baiana

Diretor da Velha Guarda: Sr. Zé Barbosa

Presidente da Ala de Compositores: Ribeirinho

Diretor de Bateria: Yan Hurley “Pac Man”

Rainha de Bateria: Marcilene Moraes

Musa:

Assessoria de Imprensa: Márcio Zuma

Autores do Samba-Enredo: Claudio Russo, André Diniz e Ronaldo Yllê

Intérprete: Ronaldo Yllê

Samba-Enredo: Definido

GIRA A COROA AGUERRIDA / DESFILA A NOBREZA DECADENTE

DOS USURPADORES DA PUREZA / ROEDORES DOS VALORES DESSA GENTE

MURCHAM AS FLORES NO RAMALHETE / O TAPETE ESCONDE A SUJEIRA

BRILHA A ARROGÂNCIA SOBERANA / E A SOBERBA QUE EMANA

NÃO ACABA QUARTA-FEIRA

O POVO SONHA EM VESTIR A SUA FANTASIA / É ARTE QUE HABITA O PORÃO

O BOBO DA CORTE QUE INVENTA A GRAÇA / COMPARSA DA ILUSÃO

A FORÇA DA PLEBE NÃO FALHA / VENCE A BATALHA PRA RAINHA MÁ

FOGOS, BANQUETES, BAILARINOS / NA MESA, DESTINOS, CABEÇAS VÃO ROLAR

SEGUE O BAILE, A INOCÊNCIA SE VAI / A MÁSCARA CAI, MAS NÃO SE EXPLICA

QUERO OUTRA VEZ A PAIXÃO / SOU UNIÃO DO PARQUE CURICICA

REINA A VAIDADE, REINO DA FOLIA / ENTREGA AO POVO OU ACABA A MONARQUIA

O DONO ETERNO DA FESTA SOU EU / AUDACIOSA ALMA DE PLEBEU